Especialistas da Agência Internacional de Energia Atômica, Aiea, acompanham desde quinta-feira o descarte de água tratada da usina nuclear de Fukushima Daiichi, no Japão.
A Companhia de Energia Elétrica de Tóquio, Tepco, está liderando a operação.

O diretor-geral da Aiea, Rafael Mariano Grossi, disse que a agência está atuando como “os olhos da comunidade internacional para garantir que a descarga seja realizada conforme planejado, de acordo com os padrões de segurança.”

Ele disse que a Aiea se comprometeu a estar presente “antes, durante e depois” da operação e que isso garantirá mais transparência ao processo.
A análise independente da agência confirmou que a concentração de trítio na água diluída que está sendo descarregada no mar está muito abaixo do limite operacional estabelecido pelo governo japonês.

Em 4 de julho deste ano, a Aiea publicou uma análise abrangente sobre a segurança da água tratada. O relatório concluiu que as descargas controladas e graduais da água para o mar terão um impacto radiológico insignificante nas pessoas e no ambiente.

About The Author

Related Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published.

%d