“O nosso mundo está numa encruzilhada”, disse o secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, em sua mensagem para o Dia dos Direitos Humanos (10 de dezembro).

Guterres destacou que a pandemia da COVID-19, a crise climática e a expansão das tecnologias digitais a todas as áreas das nossas vidas criaram novas ameaças aos direitos humanos.

“A exclusão e a discriminação são galopantes. A esfera pública está encolhendo. A pobreza e a fome estão aumentando pela primeira vez em décadas. Milhões de crianças estão perdendo o seu direito à educação. As desigualdades se agravam. Mas podemos escolher um caminho diferente”, disse.

Há 73 anos, a Assembleia Geral das Nações Unidas adotou a Declaração Universal dos Direitos Humanos, lembrou ele. “Os princípios estabelecidos nesta simples Declaração continuam a ser a chave para a realização de todos os direitos humanos – civis, econômicos, culturais, sociais e políticos – para todas as pessoas, em todos os lugares”, acrescentou.

Segundo Guterres, a recuperação da pandemia deve ser uma oportunidade para expandir os direitos humanos e as liberdades e reconstruir a confiança. “Confiança na justiça e na imparcialidade das leis e das instituições. A confiança de que uma vida digna está ao nosso alcance. Fé de que as pessoas possam ter um tratamento justo e resolver os seus problemas pacificamente”, afirmou o secretário-geral.

“As Nações Unidas defendem os direitos de cada membro da nossa família humana. Hoje e todos os dias, continuaremos a trabalhar pela justiça, igualdade, dignidade e direitos humanos para todos. Feliz Dia dos Direitos Humanos.”

Acesse a mensagem na íntegra: http://bit.ly/dhonu2021

Acompanhe o trabalho da ONU no Brasil e no mundo nas nossas principais redes sociais e em nosso site:
ℹ️ https://www.facebook.com/ONUBrasil
ℹ️ https://www.instagram.com/onubrasil
ℹ️ https://www.youtube.com/onubrasiloficial
ℹ️ https://twitter.com/ONUBrasil
ℹ️ https://www.tiktok.com/@onubrasil
ℹ️ https://brasil.un.org

About The Author

Related Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published.

%d blogueiros gostam disto: