A situação humanitária no Sudão está piorando, segundo o subsecretário-geral das Nações Unidas para os Assuntos Humanitários, Mark Lowcock. No domingo, ele terminou uma visita ao país afetado por uma grave crise econômica, desastres naturais e vários surtos de doença.

Ele foi acompanhado na visita pela chefe do escritório do Ocha no Sudão, Paola Emerson. No estado de Kassala mais de 400 mil pessoas estão sofrendo insegurança alimentar.

Saiba mais: https://bit.ly/2QRhy3m
Paola Emerson contou à ONU News que a crise econômica está agravando a situação humanitária.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

%d blogueiros gostam disto: