Nosso correpondente em Maputo, Ouri Pota, conversou com o diretor-geral da OIM, António Vitorino, que visitou região que já produziu mais de 800 mil desalojados pela violência na província do norte de Moçambique; metade são crianças; vítimas dos combates entre forças do governo e grupos armados não-estatais precisam de apoio psicossocial.

Leave a Reply

Your email address will not be published.