A Operação Cangalha teve início há dois meses, sob a coordenação do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Policiais civis, militares, penais e federais realizaram uma série de atividades preventivas, repressivas e de inteligência nos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe.

Em formato inédito, a operação teve três eixos de atuação: a erradicação de plantação de maconha, encabeçada pela Polícia Federal com auxílio da Polícia Rodoviária Federal e polícias militares; a identificação e inabilitação de aparelhos celulares em presídios, efetuada pelas polícias penais com apoio do Departamento Penitenciário Nacional (Depen); e as investigações de organizações criminosas, executadas pelas polícias civis e Forças-Tarefas SUSP de Combate ao Crime Organizado.

Saiba mais: bit.ly/3BYiPth

Leave a Reply

Your email address will not be published.