Pandemia pode duplicar número de pessoas que enfrentam insegurança insegurança alimentar

O número de pessoas que enfrenta insegurança alimentar pode dobrar devido à pandemia, passando de 135 milhões de pessoas para 265 milhões até o final desse ano. Essa é a conclusão do Relatório Global de Crises Alimentares, publicado pelo Programa Mundial de Alimentação, PMA, a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, FAO, e outros parceiros. Leia mais em https://bit.ly/2XYd0vC