Amargosa terá Plantão Integrado dos Direitos Humanos no São João

Amargosa terá Plantão Integrado dos Direitos Humanos no São João

Vai curtir o São João em Amargosa? Se você sofrer ou presenciar qualquer tipo de violação de direitos, procure o Plantão Integrado dos Direitos Humanos. Lá, o cidadão conta com uma rede de instituições para acolher, registrar e acompanhar sua denúncia. A abertura do equipamento será nesta quarta-feira (19), às 15h, na Praça do Bosque, mas o projeto tem ponto fixo também no Colégio Estadual Pedro Calmon, com atendimento das 15h às 0h. A ação é coordenada pela Secretaria de Justiça e Direitos Humanos – SJDH, em parceria com a Prefeitura de Amargosa.

Racismo, capacitismo, trabalho infantil, LGBTfobia, exploração sexual de crianças e adolescentes, intolerância, trabalho escravo, misoginia e outros casos de violações de direitos, serão atendidos, registrados e encaminhados durante os dias da festa, que acontece de a partir de quarta-feira (19), até segunda-feira (24). Equipes fixas e volantes, tanto da SJDH, quanto da rede municipal de proteção aos direitos de públicos vulneráveis, irão atuar contra violações de direitos humanos, acolhendo denúncias, bem como divulgando material informativo, com foco na prevenção da violência.

 Através da ‘Campanha Respeito é Nosso Direito!’ a SJDH e a Prefeitura de Amargosa terão equipes volantes espalhadas pela festa para realizar mobilização, busca ativa e a distribuição de materiais informativos, convocando todos e todas a combaterem violências e denunciar possíveis casos, através do canal nacional ‘Disque 100’ e dos Plantões Integrados. Além dos atendimentos, a SJDH distribui pulseiras de identificação para crianças e para a comunidade surda, com a disponibilização da Central de Interpretes de Libras (Cilba) e fiscalização do Procon-BA nos estabelecimentos comerciais.

Plantão Integrado dos Direitos Humanos

Coordenado pela SJDH, o Plantão Integrado reúne órgãos públicos e entidades da sociedade civil para atuarem, de forma conjunta, na proteção e defesa dos direitos humanos, através de um Comitê de Proteção Integral. Se alguém presenciar qualquer violência contra crianças, adolescentes, pessoas com deficiência, mulheres, pessoas negras, LGBT, entre outros públicos, pode ligar no ‘Disque 100’ e registrar a denúncia, ou se dirigir até um posto fixo do Plantão Integrado para registrar a denúncia. No local, os profissionais darão tratativas necessárias para combater as violações e encaminharão cada caso para os órgãos responsáveis.

 Os municípios de Cachoeira e Cruz das Almas também disponibilizam atendimento do Plantão Integrado dos Direitos Humanos. A abertura dos Plantões nos respectivos postos será realizada no primeiro dia de funcionamento (23 de junho), às 10h, em Cachoeira, e Cruz das Almas às 14h. Além dos três municípios, a metodologia do Plantão (identificação de casos de violação, sistematização de dados e mobilizações sociais para enfrentamento das violências) será replicada por Belmonte, Santo Antônio de Jesus, Itabuna e Igaporã, com a disseminação de materiais informativos (digitais e impressos) da campanha da SJDH ‘Respeito é Nosso Direito!’.

Fonte: Ascom/SJDH

Fonte: Clique aqui